Prefeitura distribui mais de 15 toneladas de ração entre dezembro e janeiro

Com o objetivo de auxiliar protetores de animais, famílias em situação de vulnerabilidade e entidades defensoras da causa animal, a Prefeitura de Londrina, através da Secretaria Municipal do Ambiente (Sema), fez a doação de 15.145 kg de ração entre dezembro e janeiro.

Desse montante, 3.250 kg foram entregues à organização não governamental (ONG) Associação Defensora dos Animais (ADA). No mês passado, a ADA recebeu um total de 2.250 kg de ração para cães, sendo 1.500 kg referentes a dezembro e 750 kg como antecipação da quantia destinada a janeiro. Já no início deste mês a ONG foi contemplada com mais 1.000 kg de ração, dos quais 750 kg para cães e 250 kg para gatos.

As entregas são efetuadas por meio do Banco de Ração, administrado pela Diretoria de Bem-Estar Animal (DBEA) da Sema, e ocorrem sempre no estacionamento do Parque Municipal Arthur Thomas (rua da Natureza, 155, Jardim Piza).

Foto: Sema/Divulgação

Além da ADA, mais 11.895 kg de ração foram distribuídos, em dezembro, para protetores, famílias e outra organização não governamental. Diversos outros beneficiários também estão sendo contemplados, em janeiro, com novas entregas pela Sema, mas o montante referente ao mês ainda está sendo contabilizado.

A diretora de Bem-Estar Animal da Secretaria Municipal do Ambiente, Esther Romero, salientou que as ações de fevereiro terão como foco as pessoas, famílias e entidades que receberam a ração pela última vez em novembro. Romero destacou, também, que a Prefeitura já garantiu compras de ração de gato para 2024, para assegurar a distribuição desse item aos beneficiários.

“A Sema não mantém estoque de ração. As remessas são solicitadas aos fornecedores para que, logo em seguida, façamos a entrega aos beneficiados. Dessa forma, a ração recebida é sempre nova”, afirmou.

Ainda segundo a diretora de Bem-Estar Animal, o Programa Banco de Ração busca apoiar ações de cuidado aos animais. “É importante lembrar que o sustento desses animais é de responsabilidade de seus tutores, e que adquirir animais além da capacidade de oferecer cuidados também pode caracterizar maus-tratos”, enfatizou.

Abrangência do programa – Atualmente, 16.555 animais estão cadastrados no Programa Banco de Ração, sendo 9.939 cães e 6.616 gatos.

Os beneficiários incluem 823 famílias, responsáveis por 6.173 animais, 480 protetores, que cuidam de 8.932 cães e gatos, e duas Ongs, sob cuja tutela encontram-se 1.450 animais.

Fonte: Prefeitura de Londrina