A partir de agora os paranaenses com débitos na conta de energia elétrica há mais de um ano, podem regularizar a situação de atraso com condições diferenciadas. A Companhia Paranaense de Energia (Copel) anunciou que vai flexibilizar a negociação com a isenção de juros e multas e sem a correção monetária sobre o valor original para residências e propriedades rurais.

Segundo a empresa as condições vão reduzir o valor final das contas em até 50% e podem ser pagas à vista ou em até 96 parcelas dependendo do caso. Para as demais classes se enquadrarem nesse programa de negociação os débitos devem ser superiores a 18 meses. A Copel informou ainda que já tem entrado em contato com alguns clientes por meio de e-mail, mensagem de texto e WhatsApp.

As pessoas interessadas que ainda não tiveram o contato podem acessar o site da companhia e realizar o pedido.

By