O nome de Curitiba nunca foi tão citado e pronunciado internacionalmente quanto em 2023. Ao longo de todo ano, a cidade estabeleceu projetos de cooperação com embaixadas, consulados, representações diplomáticas e organismos internacionais.

Em novembro, a capital foi eleita a Cidade Mais Inteligente do Mundo no World Smart City Awards, na categoria “Cidades”, em Barcelona.

Esses resultados não acontecem por acaso: a ampliação da inserção internacional da cidade é resultado de ações coordenadas e executadas a partir do plano de trabalho da Assessoria de Relações Internacionais da Prefeitura de Curitiba. 

Essa exposição internacional se deu principalmente por meio de projetos de sustentabilidade e enfrentamento às mudanças climáticas de Curitiba, principal pauta da cooperação internacional global em 2023. A criação e instalação da Pirâmide Solar de Curitiba – Parque Fotovoltaico da Caximba, inaugurada no dia do aniversário de 330 anos de Curitiba, em 29 de março, é um exemplo resultante dessas cooperações firmadas pela Prefeitura, em parcerias internacionais.

A rede de cidades C40 financiou a estruturação do projeto com recursos a fundo perdido do Ministério Federal Alemão para o Desenvolvimento Econômico e Cooperação (BMZ); do Departamento de Negócios, Energia e Estratégia Industrial do Reino Unido (BEIS) e da Agência dos Estados Unidos para o Desenvolvimento Internacional (USAID).

“A cooperação internacional segue crescendo em Curitiba. Nosso dinamismo e ousadia não passam despercebidos e foram destaques no cenário global. Curitiba brilhou para o mundo em 2023”, afirma o assessor-chefe de Relações Internacionais da Prefeitura, Rodolpho Zannin Feijó.

Também em colaboração com a rede C40, a Prefeitura lançou no final do mês de novembro a iniciativa climática Laneshift, co-liderada pela Amazon e Global Optimism. Curitiba foi uma das 6 cidades da América Latina a lançar o projeto, ao lado de Rio de Janeiro, Quito (Equador), Medellín e Bogotá (Colômbia) e Cidade do México (México).  O programa tem como objetivo combater as emissões de carbono do transporte rodoviário de carga. 

Delegações internacionais

As atividades de Relações Internacionais do município também movimentaram Curitiba em 2023. Durante o ano, a Assessoria de Relações Internacionais recebeu e coordenou 19 missões oficiais, além de várias visitas do setor privado e organizações não governamentais (ONGs). 

Em coordenação com representações diplomáticas e secretarias municipais, a cooperação internacional do município reforçou os laços com diversos países. Entre eles, destacam-se iniciativas com o Japão e a Itália, com iniciativas de diplomacia cultural que reforçaram os laços de amizade entre os países e as grandes comunidades de descendentes destes países que moram em Curitiba.

Fonte: Prefeitura de Curitiba

By