Com uma proposta de intensificação no tratamento da diabetes nas Unidades de Saúde para pessoas diabéticas entre 40 e 50 anos que tiveram piora no controle glicêmico durante a pandemia, a Secretaria Municipal da Saúde (SMS) de Curitiba foi a campeã da categoria Paraná no 34ª Congresso Nacional de Secretarias Municipais de Saúde (Conasems), que acontece até esta sexta-feira (15/7) em Campo Grande (MS).

A premiação foi realizada nesta quinta-feira (14/7), na 17ª edição da Mostra Brasil Aqui Tem SUS, que reuniu 343 experiências exitosas de Secretarias Municipais de Saúde de todo o país.

“Esse reconhecimento nacional nos alegra porque é fruto do trabalho intenso das nossas equipes, que, mesmo atuando firmemente no combate à pandemia, continuou buscando soluções inovadoras para melhor cuidar da saúde dos curitibanos”, destacou a secretária municipal da Saúde de Curitiba, Beatriz Battistella. 

A premiação é um reconhecimento dos projetos realizados pelos municípios no Sistema Único de Saúde (SUS) em todo o país e promover a troca de informações sobre as experiências exitosas entre os profissionais.

Na última edição presencial da mostra, em 2019 (pré-pandemia), Curitiba havia conquistado três prêmios, entre deles, a experiência com o Aplicativo Saúde Já Curitiba.

O Congresso do Conasems é um dos maiores eventos de saúde pública do Brasil e reúne gestores e reúne gestores, trabalhadores e profissionais do SUS de todos os estados do país.

Experiência premiada

A proposta premiada foi implantada com o objetivo de ofertar às pessoas diabéticas entre 40 e 50 anos que, por causa da covid-19, tiveram piora no seu controle glicêmico.  Ao todo foram acompanhados 1,5 mil pessoas desse público-alvo, a partir de junho de 2021, quando os casos de covid-19 começaram a desacelerar em Curitiba.

A partir desse momento, o atendimento programado para esse público foi retomado com intensificação do cuidado multiprofissional. Foram criados fluxos assistenciais com definição de ações em nível distrital e local. Entre elas, o projeto ampliou as consultas remotas para monitoramento e apoio ao autocuidado e consultas presenciais em horários alternativos.

A SMS participou da Mostra com mais três trabalhos, eleitos para o evento nacional pelo Conselho de Secretarias Municipais da Saúde do Paraná (Cosems-PR): “Regulação de acesso na Rede de Atenção à Saúde da Mulher no SUS Curitiba através da Telerregulação”; “Unidade de Estabilização Psiquiátrica: Implantação de Serviço de Urgência/Emergência em Saúde Mental” e “Intervenção Mediada pelos Pais como estratégia de cuidado para pessoas com TEA no SUS”.

Fonte: Prefeitura de Curitiba

By